Home office pós pandemia, vantagens e desvantagens


Sabemos que muito já se falava de home office no mundo. Era uma tendência que sentíamos que estava chegando e tomando força, principalmente em empresas ligadas a tecnologia.


Até que a pandemia do COVID19 fez com que modelos de trabalho em todo o mundo e em diferentes tipos de segmentos de mercado tivessem que implementar o home office as pressas para que conseguissem manter de alguma forma as suas atividades nesse momento.

Segundo André Miceli, diretor executivo da Infobase e coordenador do MBA em marketing, inteligência de negócios digitais da Fundação Getúlio Vargas (FGV), a tendência de implementação do home office é de 30% em empresas brasileiras, mesmo após a pandemia.


Miceli avaliou em seu estudo que a pandemia acelerou o home office nas empresas. “Muitas empresas não testavam. Algumas testavam, mas ficavam com aquela sensação de que não funciona, só que agora precisou funcionar. É claro que nem todas as áreas podem funcionar dessa maneira, é claro que nem toda empresa pode funcionar integralmente assim, mas é um modelo que agora foi posto à prova de uma forma que não havia sido antes”.


Ou seja, empresas de diferentes portes e segmentos tiveram que deixar de lado a sua resistência e tentar, de fato, uma implementação. E empresas que já faziam, ajustaram e melhoraram seus modelos. Mas afinal, quais são as vantagens e desvantagens do home office? E qual é a tendência desse modelo para o futuro?


Vantagens


- Menos tempo perdido e stress nos transportes públicos e trânsito, principalmente em grandes cidades.

- Mais qualidade de vida e produtividade relatadas por funcionários, por não haver o desgaste do deslocamento e poder passar mais tempo com a família.

- Redução de gastos por parte da empresa e do próprio colaborador.

Desvantagens


- Falta de estrutura, como esse processo foi dado de forma repentina, nem todas as empresas puderam dar todo o suporte e estrutura com equipamentos e segurança de dados.

- Falta de contato presencial com demais funcionários pode dificultar o estabelecimento de confiança em uma equipe.

- Dividir horários e separar pessoal do profissional, principalmente para quem tem filhos em casa, o que pode dificultar o foco nas atividades no horário de trabalho.

Tendência


É claro que nem toda empresa ou segmento consegue aderir a esse modelo, mas falando das que possuem essa possibilidade, essa “imposição” do home office, forçou empresas a se adaptarem e se reinventarem mais rapidamente, o que pode gerar frutos muito positivos se soubermos adaptar a nossas realidades. A previsão é de aumento dessa mentalidade e implementação efetiva a longo prazo, porém, uma opção para quando a pandemia passar seria a junção dos dois modelos em um sistema híbrido.


Onde poderemos aproveitar as vantagens dos dois modos escolhendo um ou alguns dias da semana para o home office. Assim, reduziremos gastos, potencializaremos a produtividade e qualidade de vida, além de, manter o contato presencial (quando pudermos novamente) com os colegas que tanto agrega para o pessoal e profissional.




61 visualizações
CONTATO

Rua Senador Furtado, 113

Maracanã, RJ 

​Tel: (21) 2574-8800

Ramal: 432

marketing@saltoconsultoria.com

  • Preto Ícone LinkedIn
  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon

Desenvolvido pelo Marketing 2019.1 da Salto Consultoria